ING - O Benchmark da banca continua bem e recomenda-se!

Conforme tenho vindo a referir, o ING continua muito bem e recomenda-se! Depois de ter sinalizado uma inversão de tendência suportada por um duplo fundo em meados do ano passado, leva já entretanto 60% de crescimento e não mostra sinais de abrandamento. Pelo contrário! Teve recentemente dois breakouts ascendentes, e poderá estar neste momento a preparar-se o terceiro. Breakouts de curto prazo, é certo, mas que sinalizam a salubridade do título. Para quem está dentro, são agora os 12,46 que funcionam como referência de negociação. O seu compromisso, apesar de não colocar em causa o médio prazo, poderia certamente trazer problemas de curto prazo. Enquanto referência de médio prazo, é na minha opinião aos 11,55 que devemos manter-nos atentos. Aqui sim, uma quebra em baixa poderia ser muito comprometedora.

Já no curto prazo, temos um pequeno rectângulo de consolidação a formar-se. A quebra em alta dos 13,77 representaria com elevada probabilidade uma continuação do movimento prévio ascendente, enquanto a quebra dos 13,44 representará uma potencial correcção de curto prazo. Não é para já certo em que sentido se dará a quebra, mas importa assinalar que as quebras no sentido descendente têm falhado sucessivamente as projecções. Importa por isso estar não só atento às referências mencionadas mas também à direccionalidade da tendência. E neste momento não há dúvidas de que a tendência é ascendente.



Etiquetas: